Conhecendo o ESP8266

458 views

O microcontrolador ESP8266 é Um chip desenvolvido pela empresa chinesa Espressif. De fato, a Espressif criou os microcódigos internos para facilitar o seu uso e a Tensílica é a fabricante dos chips.

Por possuir wifi integrado, este chip chegou para revolucionar o mercado maker e facilitar as aplicações com projetos IoT, não só pela pelas suas características técnicas mas também pelo preço, na faixa de R$4,00.

Principais características do ESP8266

• Chip com wifi embutido;
• Opera em 80MHz;
• Arquitetura RISC de 32 bits;
• Tensão de operação: 3,3V;
• 32 KBytes de RAM para instruções;
• 96KBytes de RAM para dados;
• 64KBytes de ROM para boot;
• Memória Flash SPI Winbond W25Q40BVNIG de 512KBytes, (podendo chegar até 4MB);
• Núcleo baseado no IP Diamand Standard LX3 da Tensilica.

Tipos de ESP8266

Para facilitar o uso do chip ESP8266 foram desenvolvidos vários módulos que são integrados em algumas placas de desenvolvimento. Os módulos variam em tamanho, número de pinos e tipos de interface (I2C, PWM e SPI).

Existem placas de desenvolvimento utilizando módulos ESP com chip 8266, como já foi citado. Por exemplo, abaixo dois modelos de placas com módulos ESP12:

Módulo ESP8266 NodeMcu ESP-12E com WiFi
Placa WeMos D1 R2 Wifi ESP8266
Placa Wemos D1 Mini Pro Wifi ESP8266

Leia também: 
Lendo Informações de um Sensor com WEMOS D1 e MQTT
WEMOS D1 e MQTT – Acionando Cargas pela Rede IoT

Utilizando o Módulo ESP8266 NodeMcu ESP-12E

Para trabalhar com o ESP8266, iremos utilizar como exemplo o módulo NodeMcu ESP-12E. Veja abaixo a pinagem do módulo:

NodeMcu ESP-12E

Instalando o pacote ESP8266 na IDE

Passo 01: Antes de começar a programar o NodeMcu é necessário fazer a instalação da placa no IDE. Vá em Arquivo – Preferências:

Passo 02: A janela abaixo será aberta, digite em URLs Adicionais para Gerenciadores de Placas: http://arduino.esp8266.com/stable/package_esp8266com_index.json

Passo 03: Em seguida vá em Ferramentas – Placa – Gerenciador de Placas:

Passo 04: Clicando em Gerenciador de Placas, a janela abaixo será aberta. Selecione a última opção ESP8266 . Em Selecionar versão, escolha a 2.3.0, depois clique em Instalar

Passo 05: Após a instalação, clique em Fechar. Entre em FerramentasPlaca e selecione a placa NodeMCU 1.0 (ESP – 12E Module). Não se esqueça de selecionar a porta COM da placa e selecionar o Upload Speed para 57600.

Passo 06: Para testar o funcionamento do NodeMCU, utilize o programa Blink (pisca LED):

Obs: O pino do NodeMCU em que está ligado o LED é o GPIO2(D4).

Esperamos que tenham gostado deste tutorial.

Para tirar dúvidas e sugestões, deixe um comentário abaixo. Não esqueça de conferir nossa loja.

(Visited 431 times, 1 visits today)